Governo do Maranhão finaliza a etapa das Escutas Territoriais do Orçamento Participativo com a Região Metropolitana de São Luís

Com o intuito de apresentar ao Governo do Estado as principais sugestões para os investimentos no território metropolitano, a última escuta para o Orçamento Participativo foi realizada nesta quinta-feira (11) no auditório Fernando Falcão, na Assembleia Legislativa do Maranhão, com a presença de representantes do poder público, movimentos sociais e a sociedade em geral.

Coordenada pela Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan), a audição elegeu como principais propostas para a votação do orçamento participativo os seguintes temas: implantar Centro de Reabilitação – CER IV, para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida; estruturar a estrada Nossa Senhora da Vitória, que interliga a Avenida São Luís Rei de França até a Estrada da Maioba e Estrada da Raposa transformando-as em MA, além da duplicação da Estrada de Ribamar, da Forquilha até a sede do município; garantir recursos para a execução da regularização fundiária na Região Metropolitana e requalificar moradias precárias; criar escolas de Ensino Médio, com Centro de Tecnologia entre os municípios de São José de Ribamar, Paço do Lumiar e São Luís; implantar o VLT ou metrô de superfície interligando os quatro municípios da Grande Ilha, integrando aos Terminais de Integração, rodoviária e aeroporto com acesso à rede de ciclovias nos terminais e passarelas para pedestres; e, por último, criar um Centro de Referência para a Juventude.

Na mesa de abertura da escuta metropolitana, o secretário de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular, Francisco Gonçalves, destacou a importância do momento para a democratização da gestão pública e do empoderamento dos cidadãos. “A última fase de escuta é um momento fundamental para a consolidação das propostas voltadas para os municípios de Paço do Lumiar, São Luís, São José de Ribamar e Raposa. Este é um instrumento fundamental para garantir um governo que reflete a vontade popular, que tem buscando sempre criar um canal de diálogo com a população maranhense”, disse Francisco Gonçalves.

O secretário Adjunto de Planejamento e Orçamento, Eduardo Beckman, pontuou que a escuta da região metropolitana é a continuidade de um processo que foi iniciado ano passado com a construção do Plano Plurianual para o período de 2016 a 2019.

“Nesse momento, somamos excelentes discussões nas 15 escutas territoriais realizadas e conseguimos cobrir, com a dedicação da equipe, os 217 municípios do Maranhão. O fundamental foi poder discutir com a sociedade aquilo que é mais relevante para cada região e, apesar da crise que o país enfrenta, conseguir dar o devido retorno à população com políticas públicas mais adequadas”, explicou Eduardo Beckman.

unnamed (11)Para a população dos municípios de São Luís, São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar, a escuta foi o canal de diálogo mais democrático para expor as demandas elencadas com base nos grupos de trabalhos. “Essa é a oportunidade em que o Governo do Estado consegue perceber a realidade e as reais necessidades das áreas periféricas dessa região, e, para nós, enquanto população, é o momento que temos para nos posicionar e dizer o que precisamos, assim como acompanhar a realização das obras e serviços que apontamos nesse processo”, destacou o coordenador estadual da União por Moradia Popular, José Raimundo Trindade.

Processo

Ao longo da tarde, a Escuta Territorial Metropolitana seguiu a metodologia utilizada durante todo o processo do Orçamento Participativo. Os participantes inscreveram na audição, escolhendo um dos três grupos de discussão, a partir das propostas retiradas do Plano Plurianual. Após a abertura solene, a plenária de prestação de contas e a divisão do auditório nos grupos específicos, eles tiveram de discutir, defender e votar em duas das propostas. As seis mais votadas serão indexadas na votação geral do Orçamento Participativo.

 

 

 

Be the first to comment on "Governo do Maranhão finaliza a etapa das Escutas Territoriais do Orçamento Participativo com a Região Metropolitana de São Luís"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*