SBT cobra esclarecimentos da TV Difusora após denúncia de Braide

A direção nacional do SBT informou hoje (21), por meio de nota oficial, que solicitou esclarecimento formal da TV Difusora após denúncia de parcialismo feita pelo candidato a prefeito de São Luís Eduardo Braide (PMN).

Segundo o comunicado, qualquer punição é de responsabilidade exclusiva da Justiça Eleitora, mas o SBT acrescenta que pediu informações à afiliada “em respeito às boas práticas jornalísticas”.

“Os fatos envolvem o jornalismo local da emissora afiliada TV Difusora, sem ingerência do SBT. Mas, em respeito às boas práticas jornalísticas, e prezando o respeito à legislação, o SBT solicitou esclarecimentos à TV Difusora acerca da denúncia. Cumpre esclarecer que qualquer medida punitiva por prática de propaganda eleitoral ilícita é de exclusiva competência da Justiça Eleitoral”, diz o comunicado, encaminhado ao site Na Telinha, do portal de notícias Uol.

Na reclamação ao SBT, Eduardo Braide diz se considerar atacado pela emissora e informa sobre o arrendamento do departamento de jornalismo da TV no Maranhão ao grupo do deputado federal Wecerton Rocha (PDT).

“O coordenador de campanha dele [do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT)] que é o deputado federal Weverton Rocha, comanda uma emissora de TV e Rádio aqui em São Luís, e é essa emissora que me ataca todos os dias”, afirma (reveja).

Fonte: Leda

Be the first to comment on "SBT cobra esclarecimentos da TV Difusora após denúncia de Braide"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*