Pescadores e marisqueiras da Grande Ilha agradecem a Márcio Honaiser por melhorias na atividade

Pescadores e marisqueiras da Grande Ilha agradecem a Márcio Honaiser por melhorias na atividade
As marisqueiras da Ilha de São Luís, dedicadas a uma das atividades mais tradicionais do litoral maranhense, tem muito a agradecer pelo incentivo e assistência que receberam do governo estadual, através de Márcio Honaiser quando esteve à frente da Sagrima. Com essa motivação, os pescadores e marisqueiras Sindicato dos Pescadores e Marisqueiras da Grande Ilha, se reuniram com Honaiser, para falar das conquistas e apresentar as necessidades para que a atividade se desenvolva ainda mais.
Nós temos mais de 50 pessoas que saíram do remo e foram pro motor, então o Márcio ajudou muito. Tenho certeza que ele não vai fechar os olhos pra gente, porque ele já mostrou que nos ajuda e coisas melhores virão com certeza”, declarou o presidente do Sindicato, Josué Pereira.
As marisqueiras da comunidade Timbuba melhoraram sua renda e receberam melhores condições de trabalho com os incentivos à produção de ostras e sururu e com o recebimento de equipamentos ao longo dos três anos e meio que Honaiser esteve na equipe do governo estadual.
“O que a gente precisa aqui é isso, de incentivo, de gente que apoia a gente, porque com os pés sozinhos a gente não caminha, alguém tem que estar com a gente e ajudar, como ele”, disse a marisqueira Lindaci, representando as mais de 40 mulheres beneficiadas. 
Martin Varão

Martin Varão

Martin Varão é técnico agrícola e eletrotécnica pelo IFMA. Graduado em jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão. Começou a trabalhar profissionalmente em 1992 na Tv São Luís/RedeTv. Depois passou por emissoras como Tv Difusora/SBT, onde exerceu as funções de repórter, editor-chefe e apresentador do Maranhão Rural por 10 anos). Na Tv Cidade/Record foi editor-chefe, repórter e apresentador do Programa Maranhão Empreendedor. Mantém o blog desde novembro de 2012. Contato: zap (98) 98470 0727

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *