Princípio da sobrevivência – Quem sabe cozinhar, não passa fome. Venezuelano foge da fome e encontra solidariedade em São Luís

Quem sabe cozinhar, não passa fome. Esse é um dos princípios da sobrevivência humana. Ninguém imagina a dificuldade de alguém que é obrigado a sair da sua pátria quando falta as condições básicas de sobrevivência. Ter que separar dos entes queridos para não morrer de fome. Assim   é a epopeia   dos hermanos da Vanezuela.

São Luís foi invadida pela falta de esperança de várias famílias fugindo da fome da crise humanitária na Venezuela. Os retornos de São Luís agora convivem com essa realidade. 

A jornalista Adriana Vieira se sensibilizou com  a história de um venezuelano que pedia uma oportunidade pra continuar a vida.  O local  escolhido foi um dos retornos da capital maranhense. Sorte dele que tinha uma profissão nobre: cozinheiro. 

Pedi ao meu cliente e amigo, humano como ele só @adriano_pestana_ , que telefonasse pessoalmente para uma empresária que estava expandindo sua rede de delícias, a Karol da Karolícias. Para resumir, ela atendeu o pedido do Adriano, foi atrás do Joel e após entrevistas e testes, o contratou para sua equipe!

“Eu sabia quando o vi no retorno, que deveria ajudar, era minha forma de viver na prática o que prega a minha religião. Acredito na oração, mas mais ainda na ação! E agradeço a Deus pela rede de Contatos e as pessoas do bem que cruzam o meu caminho, justificou a jornalista. 

 

 

Be the first to comment on "Princípio da sobrevivência – Quem sabe cozinhar, não passa fome. Venezuelano foge da fome e encontra solidariedade em São Luís"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*