‘Eleições não serão confiáveis’, reforça presidente…

‘Eleições não serão confiáveis’, reforça presidente…

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira (11) que não vai “se confiar no resultado” das eleições de 2022. Ontem, a Câmara enterrou a PEC do voto impresso, frustrando o governo.

No cercadinho do Palácio da Alvorada, Bolsonaro afirmou que a votação foi dividida e voltou a atacar o presidente do TSE, Luís Roberto Barroso.

“Quatrocentos e cinquenta deputados votaram ontem. Foi dividido. É sinal que metade não acredita 100% na lisura dos trabalhos do TSE. Eu não acredito que o resultado ali, no final, seja confiável. Dessa outra metade que votou contra, você tira PT, PCdoB, PSOL, que para eles é melhor o voto eletrônico. Tirando esses partidos de esquerda, muita gente votou preocupado. Realmente estamos com problemas. Essas pessoas aí decidiram votar com o ministro lá, presidente do TSE. Não é que está dividido, é uma eleição em que não vai se confiar no resultado das apurações.”

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirma desde 2ª feira (9.ago) que o presidente Jair Bolsonaro respeitaria o resultado do plenário se os deputados decidissem rejeitar a PEC. Foi o que fizeram. Lira disse que conversou com Bolsonaro na 6ª feira (6.ago). “Em uma ligação telefônica, o presidente Bolsonaro me garantiu que respeitaria o resultado do plenário. E eu confio na palavra do presidente da República ao presidente da Câmara”, afirmou à Rádio CBN.

“Quero agradecer à metade do parlamento que votou favorável ao voto impresso. Parte da outra metade que votou contra que, entendo, votou chantageada, uma outra parte que se absteve. Dessa parte, alguns não votaram com medo de retaliação”, continuou  Bolsonaro com a provocação agora pouco.

O governo precisava de 308 votos para aprovar a proposta, mas teve apenas 229.

Hoje, o cercadinho de Bolsonaro contou com a presença ilustre de Flávio Bolsonaro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *