IPTU PMSL

SEMOSP

Enquanto Roseana não aparece, senador Roberto Rocha se aproveita da estrutura midiática do Grupo Sarney para promover sua candidatura

Enquanto Roseana não aparece, senador Roberto Rocha se aproveita da estrutura midiática do Grupo Sarney para promover sua candidatura

O senador Roberto Rocha(PSDB) tem se aproveitado bastante do vácuo deixado pela ausência da ex-governadora Roseana Sarney(PMDB) para promover a sua candidatura. A sensação que passa é que o senador tucano estaria preparando o terreno para o lançamento da candidatura dela.

Em todos os blog e no jornal “O Estado”, contrários ao projeto de reeleição do governador Flávio Dino(PCdoB), é muito forte  a presença do senador.  O espaço dado a Roberto Rocha é também motivado pelo desconforto da mídia saneisista pelo fato de não ter assunto para falar da candidatura da ex-governadora.  Nos bastidores se comenta que Roseana anda com muita dificuldade em juntar os cacos do grupo político em torno de um projeto que contemple todas as forças.

Roseana estaria em dificuldade para juntar o grupo em torno do projeto

Durante a semana, o fato que dominou os  blogs de oposição foi a forçação de barra do senador para tentar tirar uma declaração  que envolvesse  o nome do governador numa  intervenção durante sessão da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que apura o envolvimento das empresas JBS e J&F em atos de corrupção no Governo Federal.

”Eu vou dizer, senhor presidente, quem é o 16º governador que recebeu propina e não foi revelado. O 16º é o governador do Maranhão, do PCdoB, cujo irmão era a alma do Dr. Janot e talvez o Dr. Ricardo Saud tivesse o interesse de protegê-lo a época. Isso está constando na prestação de contas do governador. A mesma JBS disse que deu R$13 milhões ao PCdoB. O PCdoB só tinha um candidato no Brasil. Era o candidato a governador do Maranhão, exatamente esse que o depoente tenta proteger…”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.