Por orientação do neto, Sarney  parte pra agressão, fugindo das  característica que nortearam sua trajetória política

Por orientação do neto, Sarney  parte pra agressão, fugindo das  característica que nortearam sua trajetória política

O claro sinal que a campanha de Roseana Sarney(MDB)  e dos senadores Lobão(MDB) – Sarney Filho(PV) está em apuros, foi a exposição vexatória a que foi colocado o ex-presidente José Sarney na luta pela manutenção do poder. Pela primeira vez Sarney foi visto agredindo um adversário fugindo, totalmente das suas características que nortearam sua trajetória política.

Acompanhado do neto Adriano Sarney(PV), o avó parecia orientado ou desorientado a cometer um desatino. Com essa atitude ele deixa o casulo de mito, se tornando um político comum. Quem conhece bem o seu  modus operandi sabe que essa nunca foi sua praia.

Ao atacar os candidatos o governador Flávio Dino(PCdoB) e os Weverton Rocha(PDT) e Eliziane Gama(PPS) Sarney parecia desnorteado numa clara eminência de tentar salvar pelo menos o mandato do filho. A quem diga que as campanhas de Roseana e Lobão já não estão fora de cogitação. A luta agora é para tentar salvar, pelo menos, o mandato de Sarney Filho.

“Flávio Dino quer deixar o governo para ser senador. E quer que tenha como representantes dois senadores, duas figuras inexpressivas para ele poder brilhar. Guardem isso na cabeça. Com a minha experiencia, é uma vergonha para o Maranhão colocar gente desse nível representando o senado da república, em tom de desespero, declarou Sarney!

 

 

 

Martin Varão

Martin Varão

Martin Varão é técnico agrícola e eletrotécnica pelo IFMA. Graduado em jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão. Começou a trabalhar profissionalmente em 1992 na Tv São Luís/RedeTv. Depois passou por emissoras como Tv Difusora/SBT, onde exerceu as funções de repórter, editor-chefe e apresentador do Maranhão Rural por 10 anos). Na Tv Cidade/Record foi editor-chefe, repórter e apresentador do Programa Maranhão Empreendedor. Mantém o blog desde novembro de 2012. Contato: zap (98) 98470 0727

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *