Sedes adota novas medidas de prevenção ao Covid-19 nos restaurantes populares do MA

Sedes adota novas medidas de prevenção ao Covid-19 nos restaurantes populares do MA

Nesta segunda-feira (23), novas medidas foram tomadas pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes) para redobrar os cuidados na prevenção da Covid-19 nos 44 restaurantes populares do Maranhão. Agora, além das refeições serem servidas em embalagens descartáveis, elas serão adquiridas para serem consumidas exclusivamente fora dos refeitórios. Os usuários podem adquirir até três embalagens com refeições para familiares que estejam no grupo de risco do Covid-19 e H1N1, desde que apresentem o documento de identificação de cada uma delas. O consumo de refeições dentro dos restaurantes está temporariamente suspenso.O secretário Márcio Honaiser, explica que os novos procedimentos facilitam o acesso da população em vulnerabilidade social às refeições diárias, sem colocar a saúde em risco.“Entendemos que neste momento em que atravessamos um processo de pandemia, a população precisa mais do que nunca de uma alimentação saudável e nutritiva. Estamos trabalhando e tomando todas as providências que contribuam com esse objetivo”, disse Honaiser.As refeições em embalagens descartáveis começaram a ser disponibilizadas na última sexta-feira (20). Considerando o decreto n° 36.677, de 21/03/2020, entre outras medidas do governo estadual, além da suspensão do consumo de refeições dentro dos restaurantes, nas filas para aquisição das fichas, a orientação é de que as pessoas permaneçam a um 01 metro de distância uma da outra.Márcio informou ainda, que os restaurantes irão garantir as mais de 30 mil refeições que são consumidas diariamente em todas os restaurantes e cozinhas comunitárias do estado.“A produção continua a mesma em todo o Maranhão, mas precisamos levar a sério as recomendações de isolamento social e higiene regular. Por isso, estamos executando o serviço dos restaurantes de forma que a população sofra o mínimo de impacto possível, sempre respeitando e seguindo as orientações que irão evitar o contágio do vírus. Precisamos fazer a nossa parte para vencermos juntos esse difícil momento”, pontuou o secretário.Outras medidas de prevenção já foram tomadas nos equipamentos de segurança alimentar do Maranhão, estado que atualmente possui a maior rede de restaurantes populares do Brasil. O cardápio foi adaptado para facilitar o transporte das embalagens, os funcionários foram orientados a utilizar máscaras durante o horário de produção, e reforçar a higienização dos utensílios, móveis, equipamentos e superfícies lisas.Os restaurantes populares e cozinhas comunitárias funcionam de segunda a sexta-feira, das 11h30 às 14h. As refeições são nutritivas e elaboradas por nutricionistas, custam R$2 nos 30 municípios de menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e R$3 nas demais cidades.

Martin Varão

Martin Varão

Martin Varão é técnico agrícola e eletrotécnica pelo IFMA. Graduado em jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão. Começou a trabalhar profissionalmente em 1992 na Tv São Luís/RedeTv. Depois passou por emissoras como Tv Difusora/SBT, onde exerceu as funções de repórter, editor-chefe e apresentador do Maranhão Rural por 10 anos). Na Tv Cidade/Record foi editor-chefe, repórter e apresentador do Programa Maranhão Empreendedor. Mantém o blog desde novembro de 2012. Contato: zap (98) 98470 0727

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *